BLOG DO BERTINHO

Confira as ações da librelato com seus colaboradores

09.04.2018

PRIMEIRO CARRO ELÉTRICO EM 3D

X Electric Vehicle, ou simplesmente XEV, uma startup com sede na Itália, espera lançar seus carros elétricos impressos em 3D, na China a partir do segundo trimestre do próximo ano.

A startup está exibindo seu primeiro veículo, o LSEV, no Museu Cultural de impressão 3D da China em Xangai.

egundo Guo Xiaozheng, designer sênior da XEV, mesmo antes de entrar em produção, o veículo já recebeu 7 mil pedidos. 5 mil vieram da Poste Italiane  e 2 mil da Arval, empresa de leasing de veículos que pertence ao BNP Paribas.

O veículo, que estará disponível no segundo trimestre de 2019, terá melhoras constantes, de acordo com o feedback do mercado, incluindo oferecer aos clientes recursos sob medida de tempos em tempos.

Utilizando tecnologias de impressão 3D, a XEV reduziu as peças de plástico e o número de componentes em um carro de mais de 2.000 para 57, enquanto seu tempo de pesquisa e desenvolvimento foi reduzido em dois terços, disse Zhu Li, diretor da startup na China.

“O processo de pesquisa e desenvolvimento de um modelo de carro, convencionalmente leva de três a cinco anos, mas carros impressos em 3D como o LSEV,  demoram entre três e 12 meses”, disse Luo Xiaofan, fundador e CEO da Polymaker, empresa de tecnologia baseada em Xangai, responsável pela impressão em 3D do veículo.

O LSEV foi projetado para que todas as peças, além do chassi, assentos e janelas, possam ser impressas com uma impressora 3D, ou seja, todas as peças plásticas. Assim os extra pequenos EVs não pesam mais de 450 quilos, muito abaixo dos veículos de tamanhos similares, geralmente pesando entre 1 e 1.2 toneladas, além de reduzir o custo de investimento em mais de 70 por cento em comparação com um veículo tradicional.

Certamente, existem muitas dificuldades ao utilizar a tecnologia de impressão 3D na produção de volumes automotivos, a Polymaker foi escolhida como parceira estratégica e ajudou a XEV a resolvê-los, não apenas com soluções de materiais, mas também opções de pós-processamento em linha com a indústria automotiva.

Esta parceria estratégica entre a XEV e a Polymaker leva a uma mudança revolucionária na fabricação de automóveis. É possível que mudanças semelhantes, relacionadas à tecnologia de impressão 3D, aconteçam em todos os aspectos da fabricação muito em breve. Como a Polymaker prova que os materiais de impressão 3D que eles fornecem estão prontos não apenas para peças de uso final, mas também para a produção em massa de produtos acabados.

Fonte : Future Transport